Análise de sólidos sedimentáveis em efluentes
março 26, 2020
Análise de demanda bioquímica de oxigênio
Análise de demanda bioquímica de oxigênio
abril 7, 2020
Análise de turbidez em água

Existem inúmeros parâmetros de análise de água que precisam ser feitos com frequência, para atestar a sua potabilidade. Um teste muito importante, dentro deste contexto, é a análise de turbidez da água

 

A turbidez, também conhecida como turvação, é um parâmetro que se baseia na dificuldade que um feixe de luz encontra, para atravessar determinadas quantidades do líquido. 

 

Leia também: Análise de sulfeto em água, importância e parâmetros

 

Ou seja, quanto mais turva for a água, mais ela se torna imprópria para o consumo. Para a análise de turbidez, são usados diferentes métodos, mas todos se baseiam na mensuração que os feixes de luz tem para transpassar o líquido. 

 

A turbidez na água é um importante parâmetro a ser analisado, por que ela indica ou não, a presença de partículas suspensas na amostra de água. Areia, barro e outros agentes que eliminam a potabilidade da água, podem ser detectados na análise de turbidez em água. 

Parâmetros de análise de turbidez em água

 

Segundo a PCR 05 de 2017, os padrões de turbidez em água são estes:

 

ANEXO 2 DO ANEXO XX

TABELA DE PADRÃO DE TURBIDEZ PARA ÁGUA PÓS-FILTRAÇÃO OU PRÉ- DESINFECÇÃO (Origem: PRT MS/GM 2914/2011, Anexo 2)

 

                                                                Tratamento da água VMP(1)
Desinfecção (para águas subterrâneas) 1,0 uT(2) em 95% das amostras
Filtração rápida (tratamento completo ou filtração direta) 0,5(3)uT(2) em 95% das amostras
Filtração lenta 1,0(3)uT(2) em 95% das amostras

 

NOTAS: (1) Valor Máximo Permitido.

 

                                     (2)  Unidade de Turbidez.

 

(3)   Este valor deve atender ao padrão de turbidez de acordo com o especificado no § 2º do art. 30.

 

 

Esta mesma legislação ainda preconiza que “ O atendimento do percentual de aceitação do limite de turbidez, expresso no Anexo 2 do Anexo XX , deve ser verificado mensalmente com base em amostras, preferencialmente no efluente individual de cada unidade de filtração, no mínimo diariamente para desinfecção ou filtração lenta e no mínimo a cada duas horas para filtração rápida. (Origem: PRT MS/GM 2914/2011, Art. 30, § 3º)”. 

 

Leia também: Análise de nitrito para água, efluentes e rios

 

Resumindo, a análise de turbidez em água deve ser feito de forma regular, principalmente em empresas que fazem a coleta e distribuição de águas. 

 

Nós da Laboprime Laboratórios, temos toda a expertise e tecnologia para fazer as análises de forma correta e com certificação dos principais órgãos fiscalizadores. 

 

Entre em contato conosco! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Área de Clientes
× Fale conosco pelo WhatsApp